Blogs: Diferentes vertentes, um objetivo

Por: Angélica Neri, André Sanches, Cristiano Morato, Diuân Feltrin, Gustavo Caldeira, Nathália Fagundes e Rafael Lopes.

Utilizado por milhões de pessoas, o blog aproxima os internautas e consolida-se como uma das melhores formas de propagação de ideias on line. Inicialmente visto como um diário virtual, no qual as pessoas narravam os acontecimentos do cotidiano, a ferramenta foi aprimorada tornando-se um espaço utilizado não só para expressar intimidades, mas também para difundir opiniões.

Existem blogs para todos os tipos de público.
Formada em Jornalismo e atualmente cursando o 6° semestre de Publicidade e Propaganda, Michele Beraldi Neves mantém um blog de entretenimento. Atrativo desde o nome, o www.magricelanapanela.com.br destaca dicas de moda, maquiagem, beleza e fofocas sobre celebridades. “São assuntos pelos quais me identifico e busco auxiliar meus leitores a seguir as sugestões.

Por exemplo, a postagem que fiz sobre ‘moda nas raves’, chamou atenção e surtiu o efeito esperado”, enfatiza Michele mencionando que os amigos aderiram ao estilo proposto.
O sucesso do blog motivou a estudante a migrar de um domínio público (zip.net) para um espaço próprio. Michele considera essencial prestigiar blogueiros amigos que também acompanham seu trabalho. Atualmente, a página recebe mais de 200 acessos diários.

O estudante do 4º semestre de Publicidade e Propaganda, Ronaldo Akira da Silva, enxerga no blog um método eficaz de divulgar trabalhos inerentes à sua profissão de designer. “Vejo na ferramenta uma maneira de expor todos os meus trabalhos e aprimorá-los, tendo como base outros blogs do mesmo segmento”.


O blog do Ronaldo, criado em dezembro do ano passado, teve até hoje mais de seiscentos acessos. O jovem explicou que atualmente não tem realizado novas postagens no blog
www.ronaldoakira.wordpress.com. O motivo, segundo ele, é a criação de um novo espaço que deverá entrar no ar na próxima semana.

Paralelamente ao universitário, Camila Suemi Okut Macedo vê no blog uma maneira de ajudar as pessoas que têm necessidade de se sentirem amadas. “Existem muitos indivíduos que desenvolvem algum tipo de carência. Busco motivá-los com posts que falem do amor sublime”, disse.


A estudante do 6º semestre de Direito diurno afirma que, para escrever, se inspira em textos Bíblicos. “Procuro também ler assuntos diferenciados como forma de quebrar preconceitos e buscar novos conhecimentos”. Na avaliação de Camila, o blog
dosedeamor.blogspot.com tem atingido seu objetivo, visto que os leitores a elogiam cada texto publicado e se identificam com as mensagens propagadas.

(*) Texto idealizado como Atividade Avaliativa da disciplina Jornalismo Online e Novas Tecnologias ministrada por José Marcos Taveira.

10 comentários. Deixe o seu clicando aqui!:

Babih Xavier disse...

sinceramente, blog é muito melhor do que orkut neh \o
a gente conhece muito mais as pessoas e se identifica mais tbm \o

Angel disse...

aeeee eu disse que ia voltar
hahahahaahaha
aham e como seria bom ler os pensamentos
imaaagina Rafa
ia ser surreal cara!
abraços e obrigado pelo comentário =D

Rafael Lopes disse...

Babih gosto muito do orkut também, mas o blog você consegue interagir muito mais mesmo, porque você tem a oportunidade de mostrar aquilo que você gosta de escrever.

Muito bom, bjos

Clebinho disse...

Olá Rafa, estive sumido, viajando e trabalhando muito, a jornada está apertada e deu uma aliviada nesse final de semana.

Tenho que voltar a comentar aqui no blog.

Desejo a todos seguidores uma excelente semana e que nossa comunidade de blogueiros seja sempre crescente, quando puderem, deixem as pegadas no TremDoydo, agradeço o espaço.

[]`s

railer disse...

blogs criam relacionamentos e isso é muito bom!

Rafael Lopes disse...

Ae Cléber, precisa aparecer mais sim poxa. Pode deixar que também chego lá para comentar.

Abraço

Michele disse...

Ahhh adorei o post! A matéria ficou ótima! Vou dar um link em um post!!

Beeeeeeeejo queridos!

Marcos Campos disse...

Olá Rafa!!
Gostei da reportagem!!
Parabéns!!

Rafael Lopes disse...

Olha Michele, que bom que estou. Apareça mais vezes por aqui.

Bjos

Rafael Lopes disse...

Obrigado Marcos.

Fico feliz que tenha gostado. Apareça sempre. Abraço